Neurofisio Intensiva
21/06/2019

FONOAUDIOLOGIA: ENTENDA A RECUSA ALIMENTAR E COMO TRATÁ-LA

Para você, o que é a recusa alimentar? Como o próprio nome diz é quando acriança recusa quaisquer tipos de alimentos ou quando come somente uma variedade muito restrita. O problema é que com o passar do tempo vários problemas podem surgir, gerando a desnutrição, afetando desenvolvimento e causando náuseas, desconforto e fraqueza.

Às vezes tais dificuldades representam manifestações temporárias, mas quando a falta de interesse na alimentação persiste por muito tempo é necessária a intervenção de um profissional especializado.

Assim que o problema é diagnosticado por meio de histórico e exame clínico,deve ser colocado em prática uma terapia lúdica, em que a criança vai despertando os interesses pelos alimentos de forma prazerosa, pois cada vez que ele é “forçado” a essa introdução de determinados alimentos que “não são prazerosos” para a criança, o profissional ou o responsável acaba reforçando esta dificuldade e ao invés da criança comer ela vai cada vez mais se“afastando” da comida.

De acordo com a fonoaudióloga da Neurofisio Intensiva, Karla Lins, muitas vezes essa dificuldade para se alimentar pode estar relacionada a uma desorganização do sistema sensorial, nesse sentido é importante a intervenção de outros profissionais como o Terapeuta Ocupacional, para estimular a criança por meio de uma terapia sensorial. Outra causa da recusa alimentar pode ser uma alteração intra oral (dentro da boca). Por isso, faz se necessária a avaliação de profissionais especializados.

Um comentário em “FONOAUDIOLOGIA: ENTENDA A RECUSA ALIMENTAR E COMO TRATÁ-LA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

x Close

Like Us On Facebook